Maranhão convoca profissionais que atuaram no Mais Médicos para o combate ao coronavírus no estado

O governo do Maranhão, chefiado por Flávio Dino (PCdoB), anunciou nesta quarta-feira (29) que convocação de médicos e médicas para atuarem no combate ao novo coronavírus no estado.

Ao todo, serão 40 novas vagas destinadas a profissionais de saúde com formação em medicina em instituições brasileiras ou estrangeiras com diploma revalidado e com experiência de atuação no programa “Mais Médicos”.

“Com o avanço da doença no estado, o Governo precisou expandir a rede hospitalar com a abertura de novos leitos. O trabalho de ampliação segue sendo realizado, mas os leitos só funcionam com profissionais que atuem no atendimento aos pacientes. A convocação é mais uma forma de combatermos a pandemia no Maranhão e, assim, conseguir salvar mais vidas”, afirmou o secretário de Saúde do estado, Carlos Lula.

O cadastramento para as vagas, bem como informações sobre todos os requisitos, estão disponíveis no site da pasta de Saúde do Maranhão.

Ao todo, o estado, de acordo com dados do Ministério da Saúde, tinha registrado até terça-feira (28) 2.528 casos confirmados de Covid-19 e 145 óbitos causados pela doença.

Revista Fórum