Moto e MAC aderem à campanha antifascista e antirracista; Sampaio silencia

Marrapá- O Moto Club e o Maranhão Atlético Clube (MAC) se posicionaram sobre os movimentos mundiais antifascistas e antirracistas que estão ocorrendo no mundo. O Sampaio Corrêa, por sua vez, preferiu o silêncio em relação ao tema.

Em todo o planeta, o esporte, sobretudo o futebol, tem sido vetor de manifestação contra autoritarismos.

“Só aqueles que passam diariamente por isso sabem o quão doloroso e revoltante é ser julgado pela cor de sua pele. Que as vítimas desse crime não sejam esquecidas jamais. Que momentos como esse sejam oportunidade para nos fazer refletir sobre nossa sociedade e estilo de vida. Que possamos evoluir para deixarmos de ser intolerantes. O Moto Club diz NÃO ao racismo e a qualquer tipo de preconceito”, disse o Twitter oficial do rubro-negro.

Já o MAC enfatizou que o “futebol é uma demonstração pura da democracia do nosso povo. Todos jogam, todos torcem, todos comemoram. O Maranhão Atlético Clube é e sempre será à favor da democracia!”.